Dica de Álbum: “Rattle That Lock”, David Gilmour

rattle-that-lock

David Gilmour é o meu guitarrista preferido. Ele, certamente, não é um dos músicos mais virtuosos do mundo, mas seu bom gosto nas composições e nos arranjos, sua criatividade e – principalmente – sua capacidade de valorizar cada nota em seus solos o tornam único. O álbum “Rattle That Lock“, seu quarto álbum de estúdio e lançado em 2015, é um excelente demonstração das habilidades de Gilmour. O disco é sensacional e destaco as faixas “Faces of Stones“, “A Boat Lies Waiting” e “And Then…

Anúncios

Música da Semana: “Near the End”, David Gilmour

Inclusa no álbum solo de Gilmour, “About Face“, de 1984, “Near the End” se destaca pela bela melodia e pelo elegante solo. A letra é um tanto melancólica e nostálgica, mas é, sem dúvida, mais uma prova do bom gosto musical de Gilmour.

Dica de Álbum: “Animals”, Pink Floyd

pink_floyd_animals

Lançado em janeiro de 1977, Animals é o décimo álbum de estúdio da banda inglesa de rock progressivo Pink Floyd. Com sua icônica capa com um porco voador, Animals é, na minha opinião, o melhor álbum do Floyd. O disco é um concept album baseado no livro “A Revolução dos Bichos”, de George Orwell, em que equipara os humanos a cada um dos três animais do livro: os cães são usados para representarem os homens da lei; os porcos os políticos corruptos e moralistas; e as ovelhas, que sem pensamento próprio, cegamente seguem um líder. É difícil escolher a melhor faixa do álbum, mas um de meus momentos favoritos é o fantástico solo que encerra a música número 4, Pigs (Three Different Ones).

Música da Semana: “Rattle That Lock”, David Gilmour

David Gilmour é um de meus guitarristas preferidos pelo bom gosto de seus arranjos e por sua capacidade de criar solos com forte apelo emocional. Em sua carreira solo é possível ver que ele se desgruda um pouco do psicodelismo do Pink Floyd, sem, no entanto, perder contato com o rock progressivo. A faixa-título de seu último álbum é um exemplo, e o clipe feito para a mesma também vale a pena.