Dica de App: “aCar”

acarUtilizo o aCar desde 2012 para poder acompanhar os gastos com meu automóvel. A interface é bastante intuitiva e de fácil preenchimento. Diversas estatísticas e gráficos são exibidos para que você possa analisar dados de consumo de seu carro, além da opção de emissão de lembretes para datas de troca de óleo, pneus, entre outros. O app permite ainda a exportação dos dados para diversos serviços – como o Dropbox e o GoogleDrive – em diversos formatos.

Anúncios

Poema da Semana: “Águas da Mudança”

Versão na Língua Inglesa

A água leva a areia de meus pés
A inocência se foi com o rio
Não sou mais o mesmo
Estou sujo

A água toca as preguiçosas pontas de meus dedos
A gentileza se foi com o rio
Não sou mais o mesmo
Estou inalcançável

A água limpa meus olhos empoeirados
Conhecimento se foi com o rio
Não sou mais o mesmo
Estou cego

A água hidrata minha boca sedenta
O amor se foi com o rio
Não sou mais o mesmo
Estou seco

©2005 Eduardo Magela Rodrigues

Música da Semana: “She’s Moved On”, Porcupine Tree

Lançada no álbum “Lightbulb Sun“, de 2000, da banda “Porcupine Tree“, a música “She’s Moved On” é um exemplo da versatilidade e criatividade do conjunto inglês ao alternar peso, trechos acústicos e um belíssimo solo de guitarra. Para quem não conhece a banda, vale a pena ouvir a faixa e explorar um pouco a discografia do grupo.

Poema da Semana: “Sofro”

Versão na Língua Inglesa

Eu sofro
porque tu se fosses e eu ainda respiro
Estou sendo enterrado vivo
porque sei que estou errado

Eu sofro
porque minha alma está se esvaindo pelo meu coração
Não posso ficar aqui
porque tudo lembra ti

Eu sofro
porque pesadelos e realidade são a mesma coisa
Estou vagando
porque nada mais faz sentido

Eu sofro
porque não sei mais quem sou
Estou confuso
porque eras a única coisa real que eu possuía

Eu sofro
porque estou completamente vazio
Eu erro, eu me desfaleço
porque a vida não tem sentido sem ti

©2005 Eduardo Magela Rodrigues

Música da Semana: “Your Possible Pasts”, Pink Floyd

Parte do álbum “The Final Cut“, lançado em 1983 e último do Floyd com o baixista e fundador Roger Waters, “Your Possible Pasts” tem um dos solos de guitarras mais intensos e dramáticos que já ouvi. Seguindo o conceito do álbum, a faixa tem um tom melancólico e uma letra com forte apelo político.

Abaixo segue versão da faixa pela banda Anathema:

Dica de Série: “The IT Crowd”

the_it_crowd

A partir de uma reportagem da Folha de São Paulo, descobri esta série britânica, produzida pelo canal Channel 4. Vencedor dos prêmios BAFTA e Emmy Internacional de melhor sitcom, a série mostra a rotina dos funcionários do Departamento de Tecnologia da Informação das Indústrias Reynholm: o desorganizado Roy (Chris O’Dowd), a leiga em tecnologia Jen (Katherine Parkinson) e o impagável Moss (Richard Ayoade). Empregando um humor bem diferente – até mesmo pelo fato de ser produzida na Inglaterra – de séries do gênero como “The Big Bang Theory” e “Silicon Valley“, “The IT Crowd” é uma excelente pedida para os fãs de tecnologia. A abertura da série, no estilo gráfico de 8 bits, é uma das mais criativas que já vi.

Poema da Semana: “Ecos da Floresta”

Versão na Língua Inglesa

Estamos suavemente envolvidos pela escuridão
Escondidos do luar pálido
Não precisamos de luz alguma
Porque podemos sentir um ao outro

Estamos muito além do tempo
Inalcançáveis para quaisquer lembranças ruins
Não precisamos de razões para estar assim
Porque temos um ao outro

Estamos profundamente imersos no silêncio
Distante dos ruídos perturbadores
Não precisamos dizer coisa alguma
Porque nossos corpos são apenas um

Estamos confortavelmente deitados na névoa
Desconectados do mundo real
Não precisamos da realidade agora
Porque estamos completamente extasiados

Estamos experimentando levemente a perfeição
Muito longe do medo e da dor
Não precisamos ser acordados
Porque não estamos sonhando

Somente os ecos da floresta podem nos alcançar

©2004 Eduardo Magela Rodrigues